Colchões de densidade progressiva


Os assim chamados colchões de densidade progressiva são colchões de mola que contam em sua construção com diversas camadas sobrepostas de espuma — e/ou outros materiais a critério do fabricante — de diferentes densidades acima do molejo; as mais densas na base do colchão, e as menos densas no topo ou vice versa.

Por exemplo:

  • viscoelástico na parte superior do colchão, para absorção de impacto e toque de conforto;
  • uma camada intermediária de espuma D33,  função ortopédica;
  • uma camada de AG D 100, sustentação, firmeza e sustentação de maior peso;
  • uma camada de espuma D45 na base fazendo a junção das partes;
  • as molas propriamente ditas, que são a estrutura do colchão que no conjunto final completam a sensação de conforto.

Esquema de um colchão de densidade progressiva

Assim, quando a pessoa deita sobre o colchão de densidade progressiva, a pressão exercida pelas diversas partes do corpo será absorvida pela camada de espuma correspondente. Por exemplo: a pressão que exceder a capacidade da espuma D33, no esquema acima, será absorvida pela camada de AG 100.

Com isso, um casal com pesos diferentes poderá usar o mesmo colchão, e ambos terão uma percepção de conforto bastante semelhante, sem precisar abrir mão da função ortopédica.

Dependendo da quantidade de camadas de espuma, variará a altura dos diversos modelos de colchão.

14 comentários

  • maria:

    PRECISO COMPRAR UM COLCHÃO MAS Não SEI QUAL A DENSIDADE.
    MINHA ALTURA 1,60
    PESO 45 quilos.
    Como devo escolher?

    Responder
  • Richard:

    Elvis,

    Bom dia!

    Tem conhecimento sobre os colchões de mola com diferentes zonas de sustentação?

    Seria algo como na parte dos quadris ter mais mola por m², fazendo com que a sustentação no centro seja mais rígida, não deixando a coluna afundar e ficar desnivelada.

    Estava certo de comprar um colchão de molas ensacadas, porém ao tomar conhecimento desta tecnologia, fiquei na dúvida. Esta noite dormi com um travesseiro fino por baixo do quadril em meu colchão com molas Bonnel e acabei sentindo um conforto maior.

    Tenho 1,76m e 83kg.

    Mais um detalhe sobre esse tipo de colchão é que o diâmetro das molas nessa área que sustenta o quadril é menor, motivo pelo qual fica mais firme.

    Obrigado,
    Richard

    Responder
    • Elvis:

      Richard.

      Você não deve comprar nenhum colchão sem experimentar: deitar, rolar, se possível até tirar uma soneca na loja.

      Depois de experimentar os tipos de colchão, compre aquele que for mais do seu gosto.

      Para o seu biotipo, o que é realmente importante é a espuma da camada superior do colchão e/ou pillowtop. As molas, regra geral, só serão acionadas no caso de pesos superiores ao seu.

      Responder
  • Kelly:

    Olá Elvis,

    Eu usava já há 5 anos um colchão orthocrin D60, já passando da hora de trocar, mas até que eu conseguia dormir bem.

    Agora estou experimentando outros colchões, ambos molas pocket e com Eurotop, parecendo um outro colchão por cima.

    Comecei pelo Excpetion da orthocrin e senti dores nas três noites que passei nele. Ele é muito mole e agente afunda muito. Características: Molas pocket, Látex no Eurotop. Altura 32 cm.

    Então a loja me mandou o Pocket Black & White Plush da Castor. Dormi nele uma noite e não via a hora de levantar, deu dor na lombar do mesmo jeito e achei ele duro. Afunda pouco. Características: Molas pocket, uma camada de D60, uma camada de D28 e uma camada de 1 a 2 cm de visco. Altura 28 cm.

    Tenho 1,58 de altura. Peso 55 Kg. Corpo tipo pêra: magra mas com quadril largo.

    O que está acontecendo comigo? Será que nenhum colchão vai me atender?

    Aguardo sua ajuda.

    Responder
    • Elvis:

      Kelly.

      Não podemos opinar sobre marcas ou modelos.

      Considerando seu biotipo, contudo, sugiro que experimente um colchão de molas Bonnel, acima de 26cm de altura. Ou então um colchão de espuma D28, densidade real, que também será adequado ao seu biotipo.

      Responder
  • Geni:

    Boa tarde Elvis,

    antes de mais parabéns pelo site, junta informação importante para quem está para comprar um colchão.
    Tenciono ir viver para Moçambique (país com clima quente), minha dúvida na compra está em que tipo de tecido devo escolher (pelo que vi no seu post dos tecidos, melhor é algodao). Falaram-me numa rede 3D na parte lateral e inferior do colchão o que permite uma melhor “respiração” do colchão. Que lhe parece?

    Responder
    • Elvis:

      Todos os colchões são fabricados para ter excelente ventilação. Cada fabricante tenta se diferenciar no mercado usando componentes diferentes, mas não é possível dizer que este é melhor que aquele.

      Responder
  • euler:

    colchao de mola tem conscerto pois e muito caro o ivetimento pra depois jogar forra

    Responder
    • Elvis:

      Durante o período de garantia o próprio fabricante lhe dará assistência, seja qual for o colchão. Observe que todo colchão tem um prazo de validade.

      Responder
  • Reinaldo:

    Caro Elvis,

    Em primeiro lugar parabéns pelo site.
    Tenho 1,74 de altura e peso 91Kg, minha esposa tem 1,60 e 54 kg. Hoje temos um colchão de molas bonnel e quando acordamos estamos com dores, especialmente nas costas (acho que está na hora de trocar). Penso em comprar um colchão com molas Pocket, minha dúvida seria quanto às camadas de espuma (intermediárias), se d33 ou 45 ou outra mais recomandável. Também tenho observado que existem conchões com variações no numero de molas por metro quadrado, isso influencia na qualidade, quanto mais molas melhor?
    Obrigado

    Responder
    • Elvis:

      No caso de colchão de molas ensacadas, a quantidade de molas por metro quadrado não pode ter variação significativa devido às características das molas, que são padronizadas. No caso da mola bonnel pode haver sim, variação de quantidade, e mais molas por metro quadrado implicam um colchão mais firme.

      Quanto às espumas do colchão de molas ensacadas, recomendo que você e sua esposa experimentem bastante o colchão na loja antes de comprar, e escolham aquele que propiciar mais conforto e o melhor custo/benefício.

      A sugestão que eu daria seria de optar por um colchão com no mínimo 27cm de altura, considerando o biotipo do casal.

      Responder
  • Germano:

    O que significa a nomenclatura D33 light , D33 Firme e D33 Pro Firme. Preciso comprar um colchão de D33 e me deparo com esses nomes sem saber a diferença.
    Antecipadamente agradeço qualquer informação.
    Geraldo

    Responder
    • Elvis:

      Germano.

      Estas nomenclaturas se referem aos nomes dos modelos de colchão, e não a nenhum padrão industrial.

      Responder

Comente!